meio ambiente

Capa com os títulos dos 03 documentos de posicionamento da Slow Food Brasil. De cima para baixo: Documento de posicionamento sobre agroecologia, Documento de posicionamento sobre Bem estar animal e consumo de carnes, Documento de posicionamento sobre Sementes, Organismos geneticamente modificados e novas biotecnologias

Documentos de posicionamento sobre Agroecologia, Consumo de Carnes e Novas biotecnologias

Published: 19 Outubro 2021

Esta publicação reúne três Documentos de posicionamento do Slow Food Brasil. O primeiro se refere ao posicionamento sobre Agroecologia; o segundo documento trata do bem-estar animal e o consumo de carnes; e o terceiro documento traz informações sobre sementes, organismos geneticamente modificados e novas biotecnologias. Os três documentos se baseiam em publicações em língua inglesa do Slow Food Internacional e foram traduzidos e adaptados para a realidade brasileira.
 

Capa do Livro Territorios: resistências, direitos e bem viver

Territórios: Resistências, Direitos e Bem Viver

Published: 15 Outubro 2021

Tendo em vista o avanço de estratégias capitalistas de captura do território, nesta publicação o Grupo Carta de Belém apresenta valiosas contribuições vindas da Amazônia, Pantanal, Cerrado,  Mata Atlântica, Caatinga e Pampa, a fim de nutrir o leitos para a continuidade das lutas que permeiam os temas socioambientais, estabelecendo conexões e trocas de experiências com os diferentes territórios abordados.
 

Capa do Livro Mulheres amazônidas: ecofeminismo, mineração e economias populares

Mulheres amazônidas: ecofeminismo, mineração e economias populares

Published: 13 Outubro 2021

Entre agosto e outubro de 2020, o Inesc (Instituto de Estudos Socioeconômicos), em parceria com a Faculdade de Educação do Campo da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) e a Comissão Pastoral da Terra (CPT), promoveram um ciclo de debates para mulheres do sudeste do Pará. A região, marcada pela luta pela terra, também enfrenta a ocupação de grandes projetos de mineração, que afetam radicalmente o cotidiano da população. Os encontros aconteceram de modo virtual e deram origem ao livro Mulheres amazônidas: ecofeminismo, mineração e economias populares.
 

Cooperação Brasil - Alemanha para o desenvolvimento da região amazônica existe desde 1992

Cooperação alemã para o Desenvolvimento da Região Amazônica brasileira

Published: 2 Fevereiro 2021

As florestas tropicais estão desaparecendo em um ritmo dramático. A Amazônia — ainda a maior floresta do mundo —  é um dos focos dessa destruição. Thomas Fatheuer escreve uma avaliação histórica dos 25 anos de fomento da política de floresta tropical pela cooperação internacional. Fatheuer pontua fatores atuais da política amazônica e dos financiadores internacionais, com foco na atuação da Alemanha. Ele apresenta teses para uma nova política florestal, que deve voltar a ser prioridade face à mudança climática e à perda de biodiversidade.

Download

Please select a file format.

pdf pdf pdf
Amazônia em Chamas - últimos 30 anos

Brasil - Amazônia em Chamas

Published: 11 Dezembro 2020

O desmatamento é fortemente ligado às atividades econômicas que predominam na região Amazônica, sendo a principal delas a pecuária. Nas últimas três décadas, o rebanho nos nove estados da Amazônia Legal vem crescendo vertiginosamente, pressionando a transformação da floresta em pasto. No total, a agropecuária foi responsável por 90% da perda de vegetação natural em todo Brasil. Esta publicação mostra, através de infográficos, as mudanças e impactos de diferentes Governos na floresta.

Capa_Mineração,trabalho e conflitos

Mineração, trabalho e conflitos amazônicos no sudeste do Pará

Published: 1 Março 2020

A coleção "Mineração: Trabalho, Territórios e Conflitos na Região de Carajás" é um projeto que uniu distintos autores da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará - UNIFESSPA na publicação de artigos sobre as dinâmicas causadas pela mineração no território de Carajás. Os autores que participaram desse projeto são José Raimundo B. Trindade, Kathiuça Bertollo, Marcelo Carneiro, Celia Regina Congilio, Tádzio Peters Coelho, Zulene Muniz Barbosa, Antero Carneiro Filho, Rosemayre Bezerra, Reinaldo Costa da Silva.

Capa_Amineraçãovem

A mineração vem aí...E agora? Um guia prático em defesa dos territórios

Published: 7 Março 2019

A Fase, o grupo Poemas e seus respectivos parceiros elaboraram uma cartilha, sistematizando informações práticas em relação a defesa dos territórios diante das atividades de mineração. Fornecem uma ferramenta de capacitação de resistências e lideranças locais, contribuindo para o fortalecimento da sociedade civil e a soberania popular em favor da conservação da biodiversidade e proteção dos bens comuns.

A Métrica do Carbono: Abstrações Globais e Epistemicídio Ecológico

Published: 1 Novembro 2016

Como o carbono transacionado nos mercados é medido? Como o resultado de atividades diferentes (ex. desmatamento, transporte aéreo) são equiparados? O que é revelado e o que é obscurecido com a métrica do carbono? Quais são as consequências da universalização e naturalização da métrica do carbono?