Financeirização da natureza em vídeo - “la nueva casa de moneda”

Financeirização da natureza em vídeo - “la nueva casa de moneda”

Vídeo sobre financeirização da NaturezaVídeo apresenta reflexões de diversas pessoas da América Latina sobre a financeirização da natureza. Creator: Rádio Mundo Real. Creative Commons License LogoEsta imagem está sob licença de Creative Commons.

“Financeirização da natureza e extrativismo – reflexões e desafios para a defesa dos territórios e a soberania dos povos” foi o nome do seminário convocado pela Fundação Heinrich Böll Brasil e realizado como parte das atividades da COP20, promovida no Peru em dezembro de 2014. Apresentamos aqui um vídeo, produzido pela Rádio Mundo Real, que reúne ideias dos participantes sobre o tema.

Sobre o evento: Além da análise e debate sobre os mecanismos de financeirização da natureza, o evento deu início a preparação de uma conferência internacional sobre o mesmo assunto que será realizada neste ano na Amazônia.

A atividade foi organizada em parceria com Amigos da Terra - América Latina e Caribe, Marcha Mundial das Mulheres, Via Campesina Brasil, Grupo Carta de Belém, Jubileu Sul, ATTAC França, Transnational Institute e Confederação Sindical das Américas.

Assita ao vídeo

 

 

Conteúdo relacionado

  • Reflexões sobre a Financeirização da Natureza

    Em "Reflexões sobre a financeirização da natureza”, Barbara Unmüßig reúne dois textos com os mais recentes desafios ambientais, e reafirma o princípio da precaução no direito ambiental aliado aos princípios de justiça e democracia.

    por Naiara Azevedo
  • COP20: o conto de Lima

    Encerrada no dia 14, a COP20 mais uma vez não trouxe mudanças significativas, já que a conferência sinalizou que as negociações multilaterais continuam não dando respostas à altura dos problemas que o mundo sofre com os impactos das mudanças climáticas e com a forma que os Estados lidam com elas. Três especialistas da Fundação Heinrich Böll, que acompanharam a COP20 e a Cúpula dos povos, apresentam, em artigo em inglês, uma análise dos eventos.   

    por Maureen Santos, Lili Fuhr, Liane Schalatek
  • A COP de Lima e a re-engenharia da economia mundial via clima

    A COP de Lima foi altamente política e produziu embates e resultados, como por exemplo a decisão do Chamado de Lima para a Ação Climática de que novo acordo deverá incorporar de modo equilibrado, ‘mitigação, adaptação, financiamento, desenvolvimento e transferência de tecnologia, capacitação e transparência de ação e apoio.’ Saiba mais na análise de Camila Moreno, pesquisadora, membro do Grupo Carta de Belém. 

    por Camila Moreno

Adicione