Publicação Violência Contra Mulheres na Pandemia
Pesquisa

Violência doméstica contra a mulher na pandemia

(Instituto Patrícia Galvão/Locomotiva)
For free

A pesquisa desenvolvida pelo Instituto Patrícia Galvão e pelo Instituto Locomotiva, com apoio da Böll Brasil, mostra que: 4 em cada 10 entrevistados que conhecem mulheres que sofreram violência na pandemia, elas não procuraram ajuda. Agressor vigiando a vítima e isolamento de amigos e família são os principais dificultadores para que mulheres vítimas de violência busquem apoio na pandemia.

49% acreditam que ficou mais difícil para a mulher denunciar a violência doméstica na pandemia.

Além disso, para a maioria dos entrevistados, a pandemia fez as agressões físicas e verbais aumentarem, assim como a violência sexual, os ataques na internet e o assédio contra mulheres.

 

Detalhes da publicação
Data da publicação
26/03/2020
Número de páginas
95
Licença
Idioma da publicação
Português
Índice

01 - Percepções sobre a violência doméstica na pandemia

02 - Quebrando o ciclo da violência doméstica

03 - Avaliação da Lei Maria da Penha e sua efetividade

04 - Considerações Finais