Novos caminhos para o mesmo lugar: a falsa solução dos agrocombustíveis

Novos caminhos para o mesmo lugar: a falsa solução dos agrocombustíveis

22 maio 2014 por Sergio Schlesinger / FASE Lúcia Ortiz / NAT Camila Moreno / Terra de Direitos - CPDA-UFRRJ Célio Bermann / IEE-USP Wendell Ficher Teixeira Assis / GESTA-UFMG - IPPUR-UFRRJ
Local da publicação: Porto Alegre
Data da publicação: Outubro de 2008
Número de páginas: 39
Idioma da publicação : Português e Inglês

A defesa incondicional da suposta sustentabilidade do etanol brasileiro em particular, e dos agrocombustíveis de modo geral, no contexto das crises mundiais - financeira, alimentar, energética e climática – impede o debate franco e, assim, o avanço de um processo de transição energética, necessário no caminho para uma sociedade mais adequada aos limites ecológicos do Planeta. A propaganda de mega-proporções do governo brasileiro, associada à indústria canavieira, no afã de conquistar mercados de exportação, lança mão de uma série de instrumentos e medidas paliativas, ou mesmo inócuas, para blindar o avanço do agronegócio da energia. 

Nesta publicação, os elementos desta estratégia são desconstruídos enquanto via de solução real para os enormes desafios sociais e ambientais que se colocam, bem como de minimização efetiva dos impactos que já se verificam no território. 

0 Comments

Adicione

Adicione