jornalismo

Gênero e política: Um relato sobre checagem de fatos e notícias nas eleições 2018

Nas últimas eleições um grupo de jornalistas independentes criaram a Eté Checagem a partir da percepção de que muitas pautas vinculadas aos direitos humanos, mulheres, população LGBTQ+, juventude e negritude se tornaram alvos preferenciais das fake news. No tupi, Eté significa verdade, verdadeiro e a Eté Checagem é a primeira agência de checagem especializada nessas temáticas do Brasil. Foto: Renata Costa / Mídia Ninja  CC-BY-NC-SA 2.0

por Leila Leal, Viviane Tavares, Mariana Medeiros